Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Um baloiço no quintal

18.11.16, Alice Alfazema

 

Ilustração Sergey Smirnov

 

 

Fico feliz que este blogue não seja uma página publicitária. Ele é para mim uma janela para colocar palavras, que podem ser em forma de poemas, imagens, contos, coisas que gosto, coisas que quero recordar. Quero estar à janela o tempo que me apetecer, deixar entrar o vento, o sol, a chuva, a noite e o dia. Já passaram mais de seis anos, não sei quantos mais hão-de passar. Muitas luas virão, mudarei os cortinados, lavarei a cara, servirei café. Os que vêm querem vir, outras pessoas irão assomar-se ao parapeito e o tempo será um baloiço no quintal.

 

Obrigada por estarem desse lado da janela. 

 

 

 

Alice Alfazema

2 comentários

  • Imagem de perfil

    Alice Alfazema

    20.11.16

    Obrigada.
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.