Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Micro contos - O coração

03.01.18, Alice Alfazema
Ilustração Aykut Aydoğdu   Nunca deixes o teu coração à janela, por causa do ventos e temporais, ou pelo perigo do calor do sol, ou ainda da brisa fria da madrugada, também porque pode ter vertigens, mas sobretudo nunca o deixes exposto à bisbilhotice dos outros.     Alice Alfazema