Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Sorriso grande

03
Jan13

 

Não sei porquê, Sebastião, 

sinto-te mais intensamente nestes dias de sol.

 

Eu sei que tu e o sol são duas coisas distintas.

Tu escrevias versos e o sol não.

tu tinhas um sorriso grande

e o sol só tem um sorriso nos desenhos das crianças.

 

Mas um pincel doido

coloriu o teu corpo no azul

e tu vieste à procura dele

e pediste a Deus este sol para o encontrares.

 

Por isso me apetece ajoelhar nesta luz

e rezar-te o meu poema.

Por isso me apetece pegar na Serra

e dá-la de brinquedo

ao primeiro menino roto.

 

Por isso me apetece olhar-te do alto de mim

e gritar:

 

Bom dia Sebastião!

 

 

 

César Pratas





Alice Alfazema