Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Um sorriso, por favor!

23.02.13, Alice Alfazema
     Pintura de Diego Akel   A Manuela era uma rapariga bonita e alegre. Gostava de experimentar tudo o que era novidade. Já tinha passado dos vinte quando experimentou pela primeira vez aquela malvada. Não sabia bem ao que ia. Disseram-lhe que aquilo era nice e que toda a gente experimentava. Não havia mal nisso. Foi num fim de semana de festa, a primeira vez, depois no seguinte e no outro que veio depois. Nunca mais a largou. Dizia que não era vício. Os anos passaram e ela (...)