Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

O sorriso

18.03.15, Alice Alfazema
Ilustração Evgeniy Milenkiy     O sorriso é uma chave Que abre portas e janelas. Entre muitas coisas mágicas O sorriso é uma delas. O sorriso é simpatia Também pode ser amor. O sorriso tem magia Tem ternura e calor. O sorriso dá carinho O sorriso faz amigos. Constrói tu, no teu caminho Uma ponte de sorrisos. Rosa lobato de Faria  Alice Alfazema

Algum sorriso eu perdi

22.07.14, Alice Alfazema
Cada vez mais sinto que não tenho tempo para tudo que ainda quero fazer, apesar de nos últimos anos ter conseguido fazer coisas que não tive oportunidade de fazer quando era mais nova, no entanto desperdicei tanta coisa, desperdicei por desconhecimento, por ignorância, por fraternidade, desperdicei o meu tempo, muito tempo...Algum sorriso eu perdi. À medida que o tempo passa a vida não passa sem nos chamar à razão. Essa razão tem sido amiga ou não. Vou pedir ao tempo que me dê (...)

Um sorriso

28.04.13, Alice Alfazema
Creio que foi o sorriso,  o sorriso foi quem abriu a porta.  Era um sorriso com muita luz  lá dentro, apetecia  entrar nele, tirar a roupa, ficar  nu dentro daquele sorriso.  Correr, navegar, morrer naquele sorriso. Eugénio de Andrade Alice Alfazema

Quando se perde...ganha-se...

02.09.10, Alice Alfazema
Quando se perde o aconchego, ganha-se a vida e nasce-se. ...se perde a raiva, ganha-se tranquilidade. ...o egoísmo, ganha-se a vontade de trabalhar em equipa. ...a vontade de desistir, ganha-se experiência. ...um amigo, ganha-se o desejo de voltar a vê-lo. ...uma morte...uma dor imensa. ...quando se perde a doença, ganha-se a saúde. ...a vontade de fazer escolhas, ganha-se o que os outros querem. ...quando se perde um emprego, ganha-se uma oportunidade de recomeçar de novo. ...quand (...)