Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Debaixo do sol

28
Set21

IMG_20210926_094703.jpg

 

Tenho em  mim o cheiro dos dias de nevoeiro na praia, do cheiro da areia molhada, da maresia escondida. Recordo que quando o sol ultrapassa a nebulosidade, e os seus raios se encontram com a areia, o cheiro intensifica-se até o calor se instalar por completo, depois acabou, começa então o sabor a sal no ar. Os olhos habituam-se ao intenso clarear, à descoberta daquilo que havia estado escondido. No  bote o homem sabe ao que vai, regressa da calada da noite, trazendo a madrugada consigo, fumando um último cigarro, aproveitando a solidão que lhe resta,  pelo ar ecoam as sirenes dos navios a entrar e a sair da barra.  

 

IMG_20210926_100107.jpg

 

A beata de cigarro também é lixo

Rede Biatakí - Setúbal

12
Set21

IMG_20210912_093319.jpg

IMG_20210912_093311.jpg

IMG_20210912_093326.jpg

IMG_20210912_093336.jpg

IMG_20210912_093254.jpg

 

 

Hoje surpreendi-me com este bote, em Setúbal, um barco cheio de beatas que simboliza no fundo uma pequena parte daquilo que pode ir parar às águas dos nossos ribeiros, rios, mares, oceanos e daí integrar-se na cadeia alimentar, levando à morte de muitas espécies que se alimentarão delas como se de algo natural se tratasse. Uma a uma. De dimensão reduzida. Escondidas na areia da praia, ou entre as pedras da calçada, levada para os bueiros pelas águas da chuva, ou até pela acção humana. Pensar que algo tão pequeno não tem a mesma proporção em importância é errado. Como podemos ver, ali naqueles frascos provavelmente estarão milhares de acções de indivíduos que não reflectiram naquilo que estavam a fazer. E mesmo que seja só uma vez, uma vez vezes muitas são números infinitos.  O objectivo destas campanhas de voluntariado é limpar o ambiente, o meu aqui neste postal é demonstrar que existe muita gente que dá do seu tempo para o bem comum. Obrigada.