Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Chama rosa

05.11.20, Alice Alfazema
Chovia pausadamente, havia vento e estávamos no final da tarde. Já é Novembro e escurece rápido. As pessoas entravam e saíam rápidas do supermercado, andando em passos de corrida para chegarem aos carros sem molharem as compras. Estou ali dentro do meu carro a observar aquela azáfama. Chega um homem com um saco, abre o porta bagagem do carro e mete lá dentro as compras, o homem fica a olhar para trás, à espera, pouco depois chega uma mulher e um miúdo, o miúdo entra no carro, (...)