Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alfazema

10.11.12 | Alice Alfazema | comentar
  A nossa obrigação é ser um poeta à solta. Agostinho da SilvaAlice Alfazema