Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

No passeio e no lancil

23.03.20, Alice Alfazema
  O passeio e o lancil estão agora bordados a papoilas, a cada dia o bordado se transforma, estão repletos de pontos vermelhos e ondulantes. Vermelho sangue, vermelho de luta, vermelho energia, vermelho chacra da raiz, impulso de sobrevivência.       

Papoilas

19.04.16, Alice Alfazema
    Colhi estas para aqueles que aqui passam. Estavam na beira da estrada, num terreno baldio. São rubis no meio das canas.     Por cima o céu é grande; Sinto árvores além; Embora o vento abrande, Há folhas em vaivém.   Fernando Pessoa       Alice Alfazema

Maio dia 17

17.05.14, Alice Alfazema
♥   Ilustração Luis Alves   Hoje vi papoilas, arrumadinhas à beira da estrada. Vermelhas e alinhadas, tremelicavam com a brisa, ou estariam a acenar-me? Recebi sorrisos gratuitos e molhei os pés na água fria do rio. Foi bom.    ♥   Alice Alfazema