Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Dezembro - Dia 21 - Tentar

21.12.19, Alice Alfazema
    Tentar, tentar sempre aqui, agora, e depois, mesmo que se desista algumas vezes. Tentar ser e querer, conseguir. Tentar sem medo de falhar. Tentar é corajoso, é garra. Tentar é como respirar, é uma experiência incrível que te pode mudar para sempre.

Dezembro - Dia 4 - Razão

04.12.19, Alice Alfazema
Ilustração Carole Hénaff   Descobrir a razão é um caminho árduo, reflectir sobre o que somos e queremos é como arrancar a pele e vestir outra. Nada de novo, mas custa tanto. A razão e a mudança andam de mãos dadas, unidas pelo pensamento. O de cada um aliado ao outro, ou talvez não. A razão tem motivos e origens sentidas ao pormenor de cada respiração, em cada uma enches o coração e o espaço que há dentro da tua imaginação.

Antes,agora,depois...

12.10.19, Alice Alfazema
  Ilustração Liese Chavez   Durante um tempo fui especialista em fazer, mal-me-quer/bem-me-quer, fazia-o com as flores da camomila, quando queria saber de alguma coisa, apanhava uma e zás, depois deixei de ter interesse, porque já conhecia de cor o resultado, percebi que tudo se resume a sequências, por vezes à excepção, mas na realidade a verdade depende das nossas escolhas e do nosso esforço.    As nossas escolhas, num determinado tempo não dependem de nós, no entanto a (...)