Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Somos instantes, tão breves como as nuvens

12.09.17 | Alice Alfazema | ver comentários (2)
  Vivemos tão repentinamente como um bater de asas. Somos apenas instantes. Breves. Breves como uma brisa oceânica. Ou breves como um leve bater de asas. Apenas nos damos conta disso quando embatemos de frente com o Tempo.  Há vidas muito leves e pequeninas, mas não (...)

Menina triste

09.01.12 | Alice Alfazema | comentar
A Joana é uma menina triste, não tem sorriso nem sabe que é menina. Vive de sombras e de ilusões, chama-se Joana, mas pode ter outro nome, Maria dos dias sem sol. Passa de escola em escola, como uma lufada de ar. Não sabe que é menina, já pensa que é mulher, de (...)