Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Carinhas larocas

27.02.17, Alice Alfazema
  Com tanta beleza neste mundo quem é que tem paciência para se preocupar com quem ganhou os óscares, ou de querer saber qual é o vestido mais bonito e o mais feio.       Parece que houve uma nomeação que foi o fim da macacada.     As fotografias são de Simone Sbaraglia, e foram tiradas na Indonésia, digam lá se eles têm ou não têm umas carinhas larocas?     Ali (...)

Um macaco, dois macacos, três macacos a voar

09.11.16, Alice Alfazema
  Ilustração  Daniel Merriam       Nunca se sabe até que ponto um macaco pode chegar na ânsia de nos imitar. Dizem alguns autores ser o macaco difícil de apanhar - mas não. Em qualquer mundana reunião num ombro numa frase num olhar no jeito "humanista" de falar aí temos o macaco a trabalhar procurando aproveitar a confusão. Pessoalmente sou de opinião que o macaco é fácil de caçar até à mão.     Alexandre O'Neill         Alice Alfazema