Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

De quem é a culpa?

17.10.17 | Alice Alfazema | ver comentários (1)
  Fotografia Hélio Madeiras, A morte do Pinhal de Leiria   De todos nós. Culpados pela inércia. Pelo desleixo. Pela preguiça. Pela falta de civismo. Pela falta de uma sociedade civil activa e interessada.   

Cheiro

12.08.17 | Alice Alfazema | ver comentários (2)
 Ilustração Andrea Rivola Acordei com um horrível cheiro a queimado, abri a janela e lá fora havia fumo e cheiro de árvores mortas, detesto este cheiro a morte. Por todos os jornais existem notícias dos incêndios que assolam o país. Dizem que são (...)

O pinheiro

29.08.13 | Alice Alfazema | ver comentários (4)
A aranha subiu o tronco seco e nodoso do velho pinheiro. Lá em cima um ninho, quatro ovos lá dentro. O formigueiro junto às raízes fervilhava de movimento, as provisões para o Inverno eram levadas a um ritmo estonteante. Uma cobra deslizou pelo tronco velho e veio (...)

Ausências

29.08.13 | Alice Alfazema | comentar
Mais um bombeiro morreu, neste verão de 2013, desta vez uma mulher, com apenas vinte e um anos. Todos os anos a história dos incendiários e dos incêndios se repete, todos os anos as mesmas lamurias, sobre a prevenção, a limpeza das matas. Todos os anos há uma (...)