Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Cinquentas - Eu

31.07.19, Alice Alfazema
  Ilustração  Francesca Escobar   Cinquenta são: 5x10. São cinco anos em cada dedo das mãos. Cinquenta Verões, cinquenta Invernos. Cinquenta brindes.   A Isabel, lançou o desafio de falar do que é ter cinquenta anos, e eis-me aqui reflectindo sobre o assunto. O que senti ao fazer cinquenta anos de vida? Senti que tinha ultrapassado (...)

#diariodagratidao 12-03-2019

12.03.19, Alice Alfazema
  Ilustração Ces Adorio   "Go placidly amid the noise and haste, and remember what peace there may be in silence. As far as possible without surrender be on good terms with all persons. Speak your truth quietly and clearly; and listen to others, even the dull and the ignorant; they too have their story. Avoid loud and aggressive persons, they are vexations to the spirit. If you compare yourself with others, you may become vain and bitter; for always there will be greater and lesser (...)

#diariodagratidao 13-02-2019

13.02.19, Alice Alfazema
  Ilustração Kris Knight   Coisas maravilhosas da idade: guardar um carregador de telemóvel, num sítio seguro e onde ninguém irá mexer, para saber sempre onde está. Depois acordar para a vida e não encontrar o carregador em lado nenhum e ninguém sabe onde está guardado, e não se importar com nada disso.