Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

#diariodagratidao 28-01-2019

28.01.19, Alice Alfazema
  Ilustração Mark Conlan   Quando bebo chá penso sempre nas plantas que fazem parte da infusão. Recolho as folhas e deito-lhes água fervente. Vejo-as então a incharem e a voltarem por último à sua originalidade, deixando na água a sua essência. Bebo-a. É dia de agradecer a tranquilidade de beber um chá.