Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Do ponto de vista feminino

14.02.18, Alice Alfazema
  Ilustração Ale De la Torre     Hoje em dia, muito mais que antigamente, olho para muitos filmes e vejo claramente que as cenas ditas eróticas mais não são que pornorização do corpo das mulheres, muito provavelmente porque o realizador queria vê-las nuas em poses sexuais. Raríssimas vezes vi uma cena dita erótica num filme que não fosse filmada do ponto de vista masculino, explorando o corpo (...)