Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Dia de Reis

06.01.17, Alice Alfazema
      Ilustração Elena Feliu   Tudo o que se conta são fábulas de encantar, histórias com memórias e lições de vida alimentadas pela sociedade da altura. Se a história fosse novamente contada quem seria a estrela, como seriam os reis e que significado teriam. Será que seria uma história instantânea? Que se dissolveria nos próximos dias? Ou poderia continuar por milénios? É tudo tão rápido agora, tão sem significado, tão sem importância. Que presentes trariam os (...)