Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Estamos na corrida

10.10.20, Alice Alfazema
    Ilustração Alê Abreu   Estamos na corrida para o fim-de-semana, estamos na corrida para as férias, para a sexta-feira, para o final do dia, para a reforma, para a velhice e para a morte. E estamos em tantas outras corridas que nem damos por elas. Estamos na corrida das mentiras, da desinformação e da agitação mental, num mundo dito de normal, como se fosse normal andarmos todos a correr contra o tempo. Talvez seja por isso que as dores se agudizem, que os ossos estalem, (...)

Março dia 9 - Mulheres que correm

09.03.17, Alice Alfazema
  Um dia corro cedo No outro corro tarde Tem gente que não entende Mas eu explico com algumas frases   Há dias que nada engrena Há também os dias de preguiça   As pernas ficam pesadas E até a cabeça enguiça Mesmo diante disso Não há ninguém que corre infeliz   Todo mundo se diverte Como os anjos de um chafariz Por essa estrada me despeço Ultrapassando retas e montes Com passos largos e firmes Corro além do horizonte     Diego Bandeira      Alice Alfazema