Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Não

07.09.19, Alice Alfazema
  Ilustração Amy Blackwell   Pode ou deve uma frase que nos chama para sermos positivos, começar por não?  

Eu infiltrado no sofá alheio

30.03.16, Alice Alfazema
    Eu sou o dono do sofá Eu quero ser o dono do sofá(mas não me deixam) O sofá é tão grande e eles são uns egoístas Eu serei eternamente o dono do sofá O sofá é meu amigo É no sofá que desabafo grandes sornas O meu sofá O sofá deles O nosso sofá   Poema de Ginjas Toma      Alice Alfazema      

Chá milagroso

19.02.16, Alice Alfazema
Na escola temos um chá muito milagroso, ele tem o poder de curar dores de cabeça, gripes, febre, má disposição, dores de barriga, enfartamento, enfim qualquer coisa que se queira curar. É útil, também para quem não quer ficar na aula de matemática o tempo todo.    Ontem durante um bom período da tarde não tivemos água na escola, portanto não houve chá. Um miúdo disse-me que estava mal disposto, mas foi-me impossível fazer-lhe o chá durante esse tempo. Hoje pela manhã (...)