Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Não

07.09.19, Alice Alfazema
  Ilustração Amy Blackwell   Pode ou deve uma frase que nos chama para sermos positivos, começar por não?  

Eu infiltrado no sofá alheio

30.03.16, Alice Alfazema
    Eu sou o dono do sofá Eu quero ser o dono do sofá(mas não me deixam) O sofá é tão grande e eles são uns egoístas Eu serei eternamente o dono do sofá O sofá é meu amigo É no sofá que desabafo grandes sornas O meu sofá O sofá deles O nosso sofá   Poema de Ginjas Toma      Alice Alfazema