Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Reflexão através do tempo

10.07.17, Alice Alfazema
 Ilustração Manon De Jong   O tempo é algo muito interessante, nós vivemos dependentes dele, criamos uma rotina através dele e é através desse mesmo que vemos que os anos passam a correr sem termos maneira de controlá-los. Por isso o importante é aproveitar ao máximo cada momento da nossa vida.   Margarida P.       Alice Alfazema

Viagem na ponta dos dedos

08.05.17, Alice Alfazema
 Ilustração Jennifer Balkan   Chega até aqui gente que viaja na ponta dos dedos. Entram e saem de mansinho. Muitos dedilham páginas e dias passados, coisas esquecidas. O fascinante mundo novo, sempre novo, numa mudança constante, rápida, fulminante. Os dedos correm mundo, vêm de muitos países, sabem muitas línguas, são de muitas cores. São finos e longos, alguns robustos, outros já nodosos. Serão gente que se cuida? Gente que vive num mundo em conflito? Estarão numa praia (...)

Tag _2017

14.12.16, Alice Alfazema
Quando estamos a chegar ao final do ano temos tendência para querer novas coisas, para recomeçar, como se o mundo não recomeçasse a cada momento!    Cresci a pensar que o mundo se tornaria melhor à medida em que eu fosse envelhecendo, vejo que não, apesar de haver muita coisa boa neste magnifico planeta, há por todo o lado inteligências demasiado egoístas que tornaram a minha linha de pensamento numa quimera.   A utopia da felicidade pelo dinheiro, fez criar fortunas que (...)