Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

#diariodagratidao 04-02-2019

04.02.19, Alice Alfazema
  Ilustração Pablo Jurado Ruiz   Durante muito tempo eu vivi sobressaltada, a minha rotina podia ser alterada a cada momento. Nunca valorizei a rotina do dia-a-dia, mas ao fazer este exercício, e ao tentar encontrar em cada dia um momento que seja de valor, vejo então o quanto é importante vivermos com rotinas. E descubro que é para mim sinónimo de tranquilidade e de conforto, chegar a casa e saber o que me espera. Por (...)

Réstias de tudo

14.12.14, Alice Alfazema
    As nuvens carregadas de água, cinzentas, como se tivessem sido pintadas com lápis de carvão, correm velozes, enquanto as gaivotas pairam, aproveitando o vento e os momentos antes da tempestade. Os pombos fazem o mesmo, vagueiam livremente em círculos de brisas com cheiro a chuva. Olho por entre os cortinados da minha janela, as folhas douradas (...)

A diferença

11.01.14, Alice Alfazema
Se falares assim todos os teus caminhos serão diferentes.   - Hoje fui a um restaurante gourmet! - Ah sim e então? - O meu almoço foi camarão envolvido em molho bechamel, com pequenos apontamentos de salsa frisada em cama de massa fina, banhada em pão ralado crocante e confitada em óleo vegetal. - O quê? Mas afinal que é que tu comeste, pá?  - Olha, comi um rissol...   Alice Alfazema