Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

#diariodagratidao 16-02-2019

16.02.19, Alice Alfazema
  Ilustração Simon Prades       Aqui nesta praia onde Não há nenhum vestígio de impureza, Aqui onde há somente Ondas tombando ininterruptamente, Puro espaço e lúcida unidade, Aqui o tempo apaixonadamente Encontra a própria liberdade.     Sophia de Mello Breyner Andresen    

As pessoas falam muito e agem pouco?

16.06.14, Alice Alfazema
  Ultimamente a palavra é algo como o Divino, à acção foi dado um segundo plano, como uma coisa secundária, que se vier veio se não vier deixa estar. No plano das palavras as pessoas podem-se mover rapidamente, enquanto que no da acção, tem de haver um envolvimento emocional e carnal, que conjuntamente produza a acção desejada.    Respostas à solta...   Alice (...)