Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Protecção

04.02.18, Alice Alfazema
    Fotografia Rémi Bollier       A vida é muito bonita, basta um beijo e a delicada engrenagem movimenta-se, uma necessidade cósmica nos protege.       Adélia Prado       Alice Alfazema

A vida é uma sessão de repetições?

21.01.18, Alice Alfazema
    O problema não é a apatia é acharmos a apatia normal, essa que mergulha em nós e recebemos de braços abertos por não estarmos despertos pelo cansaço de caminhos incertos fartos de travessias em desertos que nos enfraqueceram a voz e mataram nossos sonhos;         E assim, no conforto da apatia vamos definhando, com o mundo caminhando sem rumo e não cuidando de fazer um novo dia.         Poema Ma (...)

Simplicidade

16.08.17, Alice Alfazema
  É curioso observar que quase todos os homens que valem muito têm maneiras simples, e que quase sempre as maneiras simples são vistas como indício de pouco valor.     Giacomo Leopardi         Alice Alfazema