Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Sem nada fazer

10.03.18, Alice Alfazema

Ilustração Anne-Soline Sintès

 

 

No fim tu hás de ver que as coisas mais leves são as únicas 
que o vento não conseguiu levar: 
um estribilho antigo 
um carinho no momento preciso 
o folhear de um livro de poemas 
o cheiro que tinha um dia o próprio vento... 

 

 

Mario Quintana

 

 

 

Alice Alfazema