Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Quotidiano

19.09.15, Alice Alfazema

Vestiu-se de linho branco. Ajeitou o cinto, que tinha comprado numa loja de marca. Calçou os sapatos que tinham pequenos brilhantes e trancinhas feitas artesanalmente. Escovou mais uma vez o cabelo com aquela escova feita em madeira exótica. Perfumou-se. Pegou na mala pequenina e nas chaves do carro, mas antes deixou a sua solidariedade nas redes sociais. Gosto, gosto, gosto. 

 

Sentiu o peso do linho que ensopava com o seu suor naquela noite de Verão. Descalçou então os sapatos na beira da praia e molhou os pés na água fresca. A lua estava quase cheia.  Quem estaria na outra margem? 

 

Alice Alfazema