Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

O retorno, a água é vida...

26.11.17, Alice Alfazema

 

Ilustração John Shelley

 

 

 

Era uma vez uma gotinha de água que vivia no mar sem fim.

Juntamente com as suas irmãzinhas formavam o Mar.

Um dia, a menina Gotinha de Água estava a dormir, a sonhar,…

Então o Sol beijou-a e logo ela subiu no ar.

No céu, olhou à sua volta e viu milhões de gotinhas como ela boiarem no ar.

Vieram os ventos e começaram a empurrar aquelas nuvens e a gotinha viajou por muitas terras…

 

 

 

Texto de Papiniano Carlos (1918-2002), A menina Gotinha de Água, um livro editado nos anos 60 e que merece ser lido em qualquer idade. 

 

 

 

 

Alice Alfazema

 

11 comentários

Comentar post