Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Mar da nossa Terra

Mar da Minha Terra - Almada Atlântida

30.01.21, Alice Alfazema

No outro dia falei aqui daquilo que está a acontecer no Rio Sado, entretanto, não me lembro de ver noticiado nos órgãos de comunicação social esse crime ambiental, pelo menos na forma como deveria ter sido divulgado. É bom que nos lembremos mais vezes que tudo isto tem um preço demasiado elevado para todos nós, e recordemos também que não vivemos num mundo virtual higienizado onde tudo tem solução.  É uma brutalidade termos de perder estes museus vivos em prol dos poderes económicos instalados. De repente lembrei-me de vacinas. 

 

 

1 comentário

Comentar post