Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Há novidades!

Chegaram hoje as andorinhas.

28.02.21, Alice Alfazema

onda nuvem.jpg

Hoje pela manhã vi que as andorinhas já tinham chegado, com alegria esvoaçavam de volta do ninho, fico sempre encantada ao descobrir que estes pequenos viajantes de longo curso voltaram. Não somente a visão, mas também a mensagem de resiliência que é necessária para empreender tal viagem. Tenho procurado em tudo o que me rodeia encontrar a chave para ser mais resiliente de forma serena, sem questionar muito, relativizando as minhas fragilidades, tal como o faço com os outros. 

É-me mais fácil compreender os limites dos que me rodeiam, do que os meus, talvez porque exijo demais de mim, como se fosse possível estar constantemente a marcar o passo para indicar o caminho. 

E deixo-vos uma fotografia,  onde ao longe vemos a Serra da Arrábida, e as suas serras circundantes, o Vale dos Barris, com um tsunami de nuvens, mais uma vez a Natureza a surpreendermo-nos, no último dia de Fevereiro. Boa semana. 

 

11 comentários

Comentar post