Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

É tudo

06.02.15, Alice Alfazema

bote.JPG

 

Vejo o rio, manso e azul, corre para oceano, talvez para se sentir liberto das margens, para mergulhar numa outra dimensão. Na barra dá por si mais salgado. Ao longe o bote e o homem que segura o leme. As ondas lisas libertam pequenos pedaços de espuma. O motor ronrona. Calmaria.

 

Alice Alfazema