Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Dia da criança-alada

31.05.15, Alice Alfazema

No dia da criança falamos de presentinhos, de comidinhas, de alegrias, de gelados. Falamos disto tudo num só dia, no dia da criança. Falamos dos famosinhos, das festas surpresas, das cores e dos amores. Nos outros dias podemos falar dos meninos famintos, dos discriminados, dos drogados, dos outros, muitos outros...

 

Eis algumas sugestões que tenho para termos um dia da criança durante todos os dias do ano: 

  • redução de horário escolar, porque ser criança não dura a vida inteira e é urgente brincar.
  • redução do horário de trabalho dos pais, porque para uma criança os melhores momentos são aqueles que podem estar junto da família. 
  • fecho das grandes superfícies comerciais ao domingo e sábado à tarde, porque grande parte destes trabalhadores são mulheres e todas as criancinhas gostam de ter a mãe por perto ao fim de semana.
  • menos burocracia na lei da adopção, porque esperar a vida inteira é muito tempo.
  • haja quem se interesse em fazer reportagens sobre como funcionam as instituições que acolhem crianças e jovens em risco.
  • reabilitar os pais das crianças e jovens em risco, porque tratar apenas de um ramo não salva a árvore.

São só meia dúzia de coisinhas. Feliz dia da criança. 

 

 

Alice Alfazema

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.