Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Conversas da escola - Nada mais que a verdade

16.10.19, Alice Alfazema

Vamos voltar a imaginar: um intervalo cheio de gente ao balcão do bar, uma fila enorme de rapaziada, muita conversa, barulho e risada no ar, gente apressada, no meio disto tudo um miúdo franzino, do sexto ano, muito bem penteado com gel e risco ao lado, óculos com aros azuis, despachado a falar.

- Dói-me a barriga, a senhora ali do PBX, mandou-me vir aqui beber um chá e comer um pão com manteiga.

-  E já tinhas comido?

- Sim, mas dói-me a barriga.

- Diz-me lá a turma...(se calhar não comeu nada em casa, ou não trouxe lanche)

 

Passado o intervalo pergunto à minha colega:

- Então, agora para além do chá mandas os miúdos comerem pão com manteiga?...

- Eu não disse nada disso...

 

No final da manhã:

- Olha, fui-lhe perguntar aquilo do pão com manteiga, sabes o que ele me disse? Que tinha sido um equivoco. 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.