Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Conversas da escola - Continisticália

18.11.17, Alice Alfazema

alicinha.jpg

 

Ainda não li este livro, mas estou deveras entusiasmada por o fazer, como custa quinze euros vou juntar umas moedinhas e comprá-lo assim que possa. Gosto do título e da fotografia e assim que o vi lembrei-me de outros empregados que também precisam de uma orientação para o serviço: as auxiliares das escolas públicas. É que essa gente é macaca, alguns até sabem ler e escrever, e ainda conseguem fundamentar as suas ideias. 

 

Porque esta gente quer ter uma carreira e um ordenado digno, onde já se viu isso? Para quê tantas tretas destas, basta saber manobrar uma vassoura e uma esfregona, e fazer uma vénias quando tal for necessário. Seria um verdadeiro sucesso um guia prático para introduzir disciplina nessa gente.

 

Dona Paula Bobone num próximo livro lembre-se de nós, se faz favor. 

 

Alicinha Contina

 

 

 

Alice Alfazema

9 comentários

Comentar post