Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Conversas da escola - A senhora

08.08.19, Alice Alfazema

A senhora veio à escola para colocar o processo do seu menino em dia e deixou o menino lá numa mesa entretido com o telemóvel dela. Veio até mim e disse-me, com uma voz nasalada e calma, que o menino quando está sozinho ninguém dá por ele e que às vezes até o tem de procurar pela casa. O menino continuava a brincar com o telemóvel, estava entretido, sossegado. Um encanto. Depois a senhora desliza suavemente, os seus passos são pequenos, e bandoleando-se dirige-se na direcção do seu menino.  Pega então no telemóvel que lhe tinha emprestado. Passam depois por mim, os dois , vagarosos e descontraídos, na escola o silêncio é rei por estes dias. A senhora fala para o seu menino naquela voz nasalada das "tias", e calmamente lhe diz: o telemóvel até está quente... Verifica então o que o seu menino tinha estado a fazer, dá-lhe outra vez o telemóvel, e completa a frase dizendo-lhe (na mesma voz nasalada e calma): tira essa merda daí.

6 comentários

Comentar post