Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Coisas do nosso tempo - Ida à esteticista

11.08.19, Alice Alfazema

Foram os quatro à esteticista, a mãe, o pai, e as filhas. As mulheres precisavam de cuidar do pêlo, fazer uma completa, não queriam cá tapetes de veludo a enfeitar as salas. A sala era pequena para tanta gente junta, ao todo estavam lá cinco. No meio da sala a marquesa, numa das pontas um sofá, um móvel grande com prateleiras, do outro lado a máquina que trucida a penugem e aos pés da marquesa, a menos dois metros, um outro sofá, foi lá que o pai se instalou para consultar o telemóvel e esperar pela sua prole. Tinha de manter a profissional sobre cerrada vigilância, não fosse a coisa ficar mal feita. Não sei se contemplava as entradas, mas era um homem muito moderno.

8 comentários

Comentar post