Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

As reviravoltas do outro lado do voo

10.09.14, Alice Alfazema

As coisas que a gente fala

saem da boca da gente

e vão voando, voando,

correndo sempre pra frente.

Entrando pelos ouvidos

de quem estiver presente.

Quando a pessoa presente

É pessoa distraída

Não presta muita atenção.

Então as palavras entram

E saem pelo outro lado

Sem fazer complicação.

Mas ás vezes as palavras

Vão entrando nas cabeças,

Vão dando voltas e voltas,

Fazendo reviravoltas

E vão dando piruetas.

Quando saem pela boca

Saem todas enfeitadas.

Engraçadas, diferentes,

Com palavras penduradas.

Mas depende das pessoas

Que repetem as palavras.

Algumas enfeitam pouco.

Algumas enfeitam muito.

Algumas enfeitam tanto,

Que as palavras – que

Engraçado!

- nem parece as palavras

que entraram pelo outro

lado.

  

 

Poesia de Ruth Rocha

 

 

Alice Alfazema

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.