Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Ainda se lembram da sensação?

09.07.14, Alice Alfazema

Ilustração Laimonas Šmergelis

 

Ainda se lembram da sensação de nascer?

 

 

A metafísica do corpo se entremostra 
nas imagens. A alma do corpo 
modula em cada fragmento sua música 
de esferas e de essências 
além da simples carne e simples unhas. 
Em cada silêncio do corpo identifica-se 
a linha do sentido universal 
que à forma breve e transitiva imprime 
a solene marca dos deuses 
e do sonho.
Carlos Drummond de Andrade
Alice Alfazema

4 comentários

Comentar post