Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Vírgulas

04.01.14, Alice Alfazema
A cada dia que passa dou mais valor à simplicidade, dela nasce a criatividade mais pura.      A observação das coisas e dos sentimentos, num modo desprendido de interesses.    Quem Sabe um Dia Quem sabe um dia Quem sabe um seremos Quem sabe um viveremos Quem sabe um morreremos!   Quem é que Quem é macho Quem é fêmea Quem é humano, apenas!   Sabe amar Sabe de (...)

Simplicidade

19.07.12, Alice Alfazema
  Numa colina azul brilha um lugar caiado. Belo! E arrimada ao cabo da sombrinha, Como teu chapéu de palha desabado, Tu continuas na azinhaga; ao lado Verdeja, vicejante, a nossa vinha.       Cesário Verde         Alice Alfazema

Pedacinhos de sol

23.01.12, Alice Alfazema
    São pedacinhos de sol  que irradiam alegria, olham alegres o céu e transmitem energia renovadora - coisas simples e inesquecíveis.       Alice Alfazema