Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Tudo de ti me fala

15.06.11, Alice Alfazema

 

 

 

Esse calor primeiro que enternece

O ar azul e a terra já florindo...

A aurora que nos altos aparece,

Os sapos, no crepúsculo, carpindo,

Aquele velho muro enverdece,

A hera que o sustenta e vai cobrindo,

Tudo de ti me fala. E a tua imagem

Vaga através de mim, que sou paisagem.

 

 

Teixeira de Pascoaes