Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Qual é o nome deste país?

30.05.11, Alice Alfazema

 

 

 

Um país abstracto, nem preto, nem branco, onde as opiniões se mantêm ambíguas (não vá o Diabo tece-las); onde há economia paralela, mas ninguém sabe onde é praticada, onde as sondagens oscilam, tais ondas, crespas e revoltas; onde todos exigem mas poucos cumprem; onde o civismo está a tornar-se uma miragem; onde aqueles que querem mudança de atitudes e mentalidades são considerados alucinados; onde contestar a veracidade de certas benesses é uma atitude arriscada; onde a balança salarial nunca precisa de contrapeso; onde as oportunidades, têm o carimbo da cunha; onde o voluntariado passou a fazer parte do curriculum; onde a desilusão abunda e o desleixo faz-lhe companhia.

 

Qual é o nome deste país?

 

 

Alice Alfazema

1 comentário

Comentar post