Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Solução...

05.05.10 | Alice Alfazema

O sujeito vai ao psiquiatra.

Doutor - diz ele - estou com um problema. Toda vez que estou na cama, acho que tem alguém por baixo. Aí eu vou ver por baixo da cama e acho que tem alguém em cima. Por baixo, por cima, por baixo, por cima. Estou ficando maluco.

- Deixe-me tratar de você durante dois anos, diz o psiquiatra.

- Venha três vezes por semana, e eu curo este problema.

- E quanto o senhor cobra? - Pergunta o paciente.

- 120 €, por sessão - responde o psiquiatra.

- Bem, eu vou pensar nisso - conclui o sujeito.

 Passados seis meses, eles se encontram na rua.

- Por que é que você não me procurou mais? Pergunta o psiquiatra.

- A 120 € a consulta, três vezes por semana, durante dois anos, ia ficar caro demais, ai um sujeito num bar me curou por 10 €.

- Ah é? Como? Pergunta o psiquiatra.

O sujeito responde:

- Por 10 €, ele cortou os pés da cama...

 

Muitas vezes o problema é sério, mas a solução pode ser muito simples!

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.