Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

10 de Junho 2013

10.06.13, Alice Alfazema


Gato velho, que não tem companhia, orelhas carcomidas nas lutas pela descendência. Deita-se nas pedras, recolhe na sesta aos bons dias de glória. Comeu a criatividade.

 

Não, não é cansaço...


Não, não é cansaço...


É uma quantidade de desilusão

Que se me entranha na espécie de pensar. 

É um domingo às avessas Do sentimento, 

Um feriado passado no abismo...


Não, cansaço não é...


É eu estar existindo 

E também o mundo,

Com tudo aquilo que contém,

Como tudo aquilo que nele se desdobra 

E afinal é a mesma coisa variada em cópias iguais.


Álvaro de Campos




Alice Alfazema