Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Doenças no feminino: Endometriose

06.02.13, Alice Alfazema

 

 

 

A Endometriose é uma doença muito comum que afecta 1 em cada 6 mulheres que estão na idade reprodutora. Cerca de 80% destas mulheres apresentam como principal sintoma a Dor. As restantes 20% apresentam em primeiro lugar infertilidade.

Esta é uma doença feminina socialmente expressiva devido ao impacto que causa na vida da mulher, no entanto, é ainda muito pouco conhecida e divulgada em Portugal. Para além do desconhecimento da sociedade de um modo geral, são poucos os especialistas devidamente qualificados para lidar com esta patologia o que leva a que em média o seu diagnóstico demore cerca de 8 anos.

O endométrio é a parte do revestimento interno do útero que no ciclo menstrual sofre um processo cíclico de regeneração e descamação provocando a menstruação. Quando as células que compõem o endométrio se encontram fora da parte interna do útero e se implantam noutros locais dá-se o processo de Endometriose.

A Endometriose é uma doença progressiva que pode levar ao mau funcionamento de vários órgãos  e provocar quadros de dor muito elevados o que impede muitas mulheres de fazerem a sua vida de forma normal.
 
Quando a Endometriose está num estado inicial estas alterações são sentidas com mais intensidade apenas durante o período menstrual, no entanto, com o passar dos anos e o evoluir da doença são muitos os casos em que a mulheres sentem alterações e perdem a sua qualidade de vida antes, durante e após a menstruação.

Saber mais em: MulherEndo



Alice Alfazema