Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Fome

18.11.12, Alice Alfazema

O miúdo desceu a ladeira numa correria, ao longe via-se o rio, azul como sempre. Olhou o céu, estava da mesma cor do rio. Parou, pegou no caroço que estava na valeta e devorou-o. 

 

(Se me perguntarem se a história é verdadeira a resposta é - sim, se pode voltar a acontecer é - provavelmente sim, se continuarmos com estas medidas de austeridade.)


Alice Alfazema

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.