Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Façam como a Primavera, renovem-se!

11.04.10, Alice Alfazema

Façam como a Primavera; renovem-se!

Renovem-se...

Por dentro,

Por fora...

Nas palavras,

Nos actos,

mas não fiquem inerces, presos às rotinas...Ao conforto do não arriscar...

Deitem fora as vossas folhas velhas, escritas há tanto tempo, emboloradas pela chuva da tristeza; pelos medos e dissabores...

Virem a página do tempo, poque ele já foi...O que aí vem é outro e não precisa de ser igual...Regenerem-se, apreciem a Natureza e sigam os seus exemplos...A renovação de um mundo novo que desperta para de novo se mostrar e demonstrar que é bonito e que não precisa que ninguém lho diga, porque se renova de confiança em si mesmo pois só dele se apoia.

 

E onde me vou renovar? Dentro de mim.

O meu mundo é dentro de mim, onde ninguém chega, mas onde eu preciso chegar, renovada...

 

 

Alice Alfazema

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.