Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Bairro da Jamaica

30.01.19, Alice Alfazema

Fui ver onde ficava o bairro da Jamaica, sempre pensei que ficava em Lisboa, afinal é no Seixal, na margem sul de Lisboa, também não sabia que havia uma margem sul de Lisboa. 

 

Vi algumas fotografias de prédios em tijolo, com casas sem as mínimas condições de habitabilidade onde moram pessoas há décadas, pensei que já não existisse disto em Portugal, pensei mal. 

 

Provavelmente muitas daquelas pessoas trabalham na margem norte de Lisboa. Ou não há margem norte?

#diariodagratidao 29-01-2019

29.01.19, Alice Alfazema

 

Ilustração Anna Burighel

 

Hoje fui ao posto médico para uma consulta. Enquanto estava à espera que me chamassem fui observando as pessoas à minha volta. Mulheres, mães com filhos, filhos com pais, homens e um com um bebé. Entrou empurrando o carrinho com o ovinho, o  bebé estava tapado com um cobertor cor-de-rosa. Sentou-se e destapou o bebé. Assim meio desajeitado. A criança devia de estar a dormir. Encanta-me ver os homens assim a cuidarem dos filhos, meio desajeitados, mas prontos a aprender e a enfrentar a paternidade. Por estes dias existem inúmeros homens assim, estou grata por nos estarmos a afastar do "chefe de família", estes miúdos com certeza vão ter memórias fantásticas.

 

Pág. 1/9