Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Dicas e conselhos para um mundo melhor - Acreditar

31
Mai18

Ilustração Jody Hewgill

 

 

Talvez o tempo, por si só, explique a cada um de nós o que é necessário para a felicidade. Talvez a felicidade seja sempre outra coisa que em cada idade se revela para que nos esforcemos de novo, continuamente. Há um amor guardado para cada fim. No limite, já não podemos adiá-lo. Temos de amar sem olhar a quem até que, olhando, o perfeito desconhecido nos seja familiar. Até que se invente uma família, tão pura e fundamental quanto outra qualquer. A felicidade, afinal, é possível, embora se esconda atrás de um mundo de tristezas. Mas nenhuma tristeza nos deve vencer. O destino de cada um é só este: acreditar, mesmo quando ninguém mais acredite.

 

 

Valter Hugo Mãe

 

 

Conversas da escola - A informação

31
Mai18

Ilustração Daiva Staškevičienė

 

 

 

 

Como lhe chega a informação do que se passa nas salas de aula? Pelos professores, pelas direções regionais?


Eu fui a quase cem escolas no primeiro ano e meio [de governo]. Fui, em média, a duas escolas por semana. E agora continuo a ir. Por quem é que me chega a informação do que acontece nas escolas? Primeiro, pelo contacto direto com diretores e associações de diretores. Eu já me encontrei com todos os diretores do país. São 811 agrupamentos.

 

 

 

Tiago Brandão Rodrigues, Ministro da Educação

 

 

 

Alicinha Contina

Pág. 1/16