Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

Alice Alfazema

Recortes do quotidiano: do meu, do teu, do seu, e dos outros.

O lado oculto da sala de aula

14.04.12, Alice Alfazema

O lado obscuro do tampo da mesa, onde se podem esconder segredos. Pouca gente sabe deste misterioso lugar. Apenas aqueles que ali se sentam têm o privilégio de o saber.

Existem outros seres que conhecem esse lugar e que também são misteriosos, são eles as "continas".

 

 

 

As continas habitam  nos recintos escolares, auxiliam nas tarefas pedagógicas, educativas, limpeza... e descobrem tesouros debaixo dos tampos das mesas de sala de aula, alguns são valiosíssimos, outros escandalosamente agressivos, que trazem consigo a raiva e a desilusão do dia-a-dia. 

 

 

Há meninos de várias espécies, os ricos, os pobres, os assim-assim, de várias cores, de várias nacionalidades, de várias idades, com pais presentes, com pais ausentes, sem pais. Todos fazem asneiras. Nem todos riem.

 

 

 

 

Talvez o lado oculto do tampo da mesa, seja como o lado oculto da vida, aquele que escondemos dos outros, até alguém descobrir. No fundo, todos querem agarrar o sonho e a vida, todos querem rir, ter o Pai e a Mãe presente. São meninos e meninas sedentos de alegria, de abraços, de beijos. Possuem a loucura da idade e a juventude do sonho.

 

 

 

 

 

 

Alice Alfazema

2 comentários

Comentar post